Capacitação profissional e mercado de trabalho: entenda!

Em mercados de trabalho cada vez mais competitivos, a capacitação profissional deve ser contínua, tanto para quem procura uma oportunidade como para quem já está trabalhando.

Quando enfatizamos a qualificação, falamos em conhecimento, fator determinante para manter-se valorizado no mercado de trabalho e indispensável para momentos em que o desemprego atinge índices preocupantes.

Os investimentos em capacitação devem continuar em momentos de instabilidade econômica, porque mesmo em cenários pouco favoráveis existem vagas ociosas por falta de profissionais aptos a ocupá-las. A falta desses profissionais é desencadeada pela mudança nas necessidades de mão de obra, provocada por avanços tecnológicos que extinguiram muitos postos de trabalho, mas criaram outros.

Entenda o novo cenário profissional

A internet e as novas tecnologias mudaram as formas de trabalho, exigindo profissionais muito mais racionais do que técnicos. Tarefas de cunho operacional foram substituídas por máquinas, exigindo dos profissionais que ocupavam essas vagas a ida para outros mercados.

Por exemplo: em uma indústria farmacêutica, eram necessários profissionais para embalar manualmente os medicamentos. Hoje, as máquinas fazem todo o processo. O que aconteceu com os embaladores? Foram buscar qualificação para aprender a operar as máquinas.

Os mercados têm se reinventado, exigindo profissionais mais dinâmicos e dispostos a mudanças. Acompanhar essas evoluções, que são rápidas, é o grande desafio dos profissionais que querem se manter competitivos.

Busca de capacitação profissional

Engana-se quem acredita que apenas um curso superior é suficiente. É necessário investir em conhecimentos, como novos idiomas, cursos de aperfeiçoamento e de qualificação, além de cultivar uma rede de relacionamentos que seja favorável à troca de ideias.

Não crie desculpas

Evite criar motivos e desculpas para justificar a falta de qualificação ou atualização. Existem cursos gratuitos aos quais você pode ter acesso pela internet e também a distância, que dão uma boa bagagem. Leia muito. Ler e interpretar é um exercício que pode deixá-lo à frente de muita gente.

Esteja preparado!

Cada vez mais a capacidade de trabalhar em equipe, liderar e saber lidar com situações de conflito têm sido exigências imprescindíveis para o perfil que as empresas vêm traçando, principalmente para cargos de liderança.

Atualmente, investir na carreira é mais do que adquirir conhecimento técnico. Invista também nas suas capacidades subjetivas. Faça isso e seja um profissional empregável, sendo disputado pelas empresas.

Desenvolvimento de competências

O desenvolvimento de competências, como boa comunicação e empatia, é fundamental para aqueles que almejam sucesso profissional porque as organizações também estão cada vez mais exigentes para se diferenciar da concorrência.

As empresas almejam profissionais que possam fazer a diferença, mostrando qualificação, inovação, comprometimento, trabalho em equipe, liderança e senso de equipe.

Se você acredita que precisa melhorar suas competências, principalmente as subjetivas, como saber lidar com conflitos, um profissional de coach ou até mesmo um terapeuta pode ajudá-lo a desenvolvê-las. Esteja certo de que é um bom investimento, tanto que grandes empresas já investem em coach para capacitar cargos de liderança.

Tenha em mente que existe uma multidão buscando emprego, no entanto o mercado está em busca de profissionais diferenciados. Você pode ser um deles!

O que achou do nosso post sobre capacitação profissional? Deixe o seu comentário com a gente!

Deixe uma resposta